Jornal dia
Seu jornal de notícias

BRADESCO premia acionistas com R$4 bilhões em JCP! SAIBA como proceder!

0

O Bradesco (BBDC4) anunciou uma novidade interessante para seus investidores esta semana. Em um recente comunicado, a diretoria do banco confirmou a aprovação de uma remuneração significativa destinada aos acionistas sob a forma de juros sobre o capital próprio (JCP). O montante total a ser distribuído alcança nada menos que R$ 4 bilhões.

Esta movimentação reflete não apenas a solidez da instituição bancária, mas também uma estratégia de valorização do investidor. Com uma política de distribuição de lucros ativa e robusta, o Bradesco se destaca no cenário econômico atual, proporcionando aos seus acionistas uma forma atraente de renda passiva.

Quais são os valores específicos do JCP do Bradesco?

O comunicado detalha que os valores específicos dispensados por ação são distintos entre as categorias. Os detentores de ações ordinárias (ON) receberão R$ 0,35914135 por papel, enquanto os possuidores de ações preferenciais (PN) serão creditados com R$ 0,395055485 por ação. Esses valores refletem a política de distribuição diferenciada baseada no tipo de ação possuída.

Valores Específicos do JCP por Tipo de Ação

  • Diferença entre Ações Ordinárias (ON) e Preferenciais (PN):
    • ON: R$ 0,35914135 por ação.
    • PN: R$ 0,395055485 por ação.
  • Política de Distribuição Diferenciada: Recompensa os acionistas de acordo com o tipo de ação que possuem.
Fonte: 
Melhores Cartões
Fonte: Melhores Cartões

Qual a Data de Corte e Pagamento do JCP do Bradesco?

Uma informação crucial para os investidores é a data de corte, que foi definida para o dia 17 de junho de 2024. Importante frisar que, a partir do dia seguinte, as ações do Bradesco começarão a ser negociadas sem direito a este recebimento. Quanto ao pagamento, os acionistas podem esperar que os valores sejam depositados no dia 31 de janeiro de 2025.

Data de Corte e Pagamento do JCP

  • Data de Corte: 17 de junho de 2024.
    • A partir do dia 18/06, as ações do Bradesco serão negociadas sem direito ao JCP.
  • Data de Pagamento: 31 de janeiro de 2025.
    • Os acionistas receberão os valores depositados em suas contas.

Como os Investidores Devem Proceder?

A questão logística não é menos importante. Para os investidores que possuem ações custodiadas diretamente na B3, é esperado que a distribuição dos valores seja coordenada pelas corretoras ou instituições financeiras responsáveis pela custódia. No entanto, os acionistas que preferirem e tiverem suas ações custodiadas de forma independente terão que garantir que seus dados bancários e cadastrais estejam devidamente atualizados junto ao Bradesco para o recebimento dos valores, com o suporte da rede de agências do banco.

  • Verificação de dados na agência mais próxima com documentos como CPF, RG e comprovante de residência.
  • Atualização de cadastro para garantir o recebimento sem contratempos.

Os investidores têm boas razões para manter as expectativas com as distribuições do Bradesco. Estas operações, além de refletirem a saúde financeira do banco, influenciam diretamente no cômputo dos dividendos obrigatórios a serem pagos no exercício corrente, mantendo o interesse e a confiança dos acionistas na gestão e desempenho do Bradesco no mercado financeiro.