Jornal dia
Seu jornal de notícias

Dicas e Estratégias para Evitar TAXAS nas Compras Internacionais

0


Comprar on-line traz muitas vantagens, mas quando o assunto é compra internacional, o quadro muda de figura! Sites como Shein, Shopee e AliExpress têm seduzido brasileiros com preços atrativos, variedade de produtos e a facilidade de comprar com apenas um clique. No entanto, essa satisfação pode ser prejudicada por taxas cobradas na importação.

Preparamos algumas dicas para que você não seja pego de surpresa pelo valor a ser pago, mantendo sua experiência de compra prazerosa. Vamos a elas:

Estratégias para driblar taxas abusivas de importação.

Ao realizar compras internacionais, é preciso estar atento a alguns detalhes para evitar surpresas desagradáveis com taxas alfandegárias.

Como evitar taxas?

  • Limite de Isenção e Valores Mínimos: É comum que lojas como Shein e Shopee declarem um valor mais baixo nas encomendas para evitar as altas taxas alfandegárias. No entanto, é essencial pesquisar a legislação do seu país antes de fazer suas compras e estar ciente dos riscos de taxação caso seu pedido ultrapasse o valor permitido.
  • Dividir as Compras em Pequenos Pedidos: Uma estratégia para evitar taxas é dividir as compras em pedidos menores. Muitas vezes, as taxas alfandegárias são calculadas com base no valor total da encomenda. Ao dividir em pedidos menores, há uma maior probabilidade de cada pacote ser declarado com um valor abaixo do limite estabelecido pelo país de destino. É importante lembrar, contudo, que essa estratégia pode resultar em um custo maior no frete.
  • Utilizar Serviços de Redirecionamento: Uma outra opção é utilizar serviços de redirecionamento. Eles fornecem um endereço físico nos países onde você deseja fazer suas compras. Assim que a encomenda chega ao endereço do serviço de redirecionamento, ela é reembalada e enviada para você, declarando o valor que você deseja. Este tipo de serviço pode ser uma ótima solução quando não há limite de isenção no país de destino ou quando você precisa fazer compras de maior valor.

Leia Mais: SAIU AGORA: Diesel fica MAIS CARO a partir deste DOMINGO (01/10) com impostos federais

Vale a pena investir em produtos nacionais?

Sem dúvidas, investir em produtos nacionais traz muitos benefícios além de evitar as taxas de importação. O apoio ao comércio local fortalece a economia e é uma atitude que beneficia a todos. Comprando em lojas nacionais, você não precisa se preocupar com prazos de entrega extensos, possíveis problemas na alfândega ou risco de extravio.

Além disso, é possível encontrar produtos similares com preços competitivos e boa qualidade no mercado nacional. A dica é fazer uma boa pesquisa e utilizar ferramentas de busca que comparam preços e características de produtos. Assim, é possível encontrar alternativas similares sem recorrer a compras internacionais.

Fique atento ao comprar on-line e lembre-se que às vezes, o barato pode sair caro!