Jornal dia
Seu jornal de notícias

NOVOS benefícios exclusivos oferecidos pelo CadÚnico! Não perca

0

O Governo Federal anunciou recentemente uma excelente notícia para aqueles que estão inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais, popularmente conhecido como CadÚnico: um “presentão”. Entre os beneficiados estão também aqueles com Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) de 0 a 9.

O CadÚnico é uma ferramenta criada pelo governo para identificar e registrar as famílias em situação de vulnerabilidade socioeconômica, possibilitando um mapeamento de suas condições de vida e renda. Através desse cadastro, essas famílias têm acesso a benefícios sociais e assistenciais diversos.

Quem pode se inscrever no Cadastro Único?

O CadÚnico permite o registro de famílias cujos membros possuam renda familiar de até meio salário mínimo per capita ou uma renda total da família que não ultrapasse três salários mínimos.

NOVOS benefícios exclusivos oferecidos pelo CadÚnico! Não perca. Foto: Shutterstock
NOVOS benefícios exclusivos oferecidos pelo CadÚnico! Não perca. Foto: Shutterstock

Leia mais: Proteja Seus Dados: Como Agir Após Vazamento no Auxílio Brasil!

O que o Cadastro Único oferece?

Por meio deste cadastro, os inscritos podem acessar programas sociais bastante conhecidos, como o Bolsa Família e o Benefício de Prestação Continuada (BPC). Além disso, há a possibilidade de obter isenções e descontos em serviços das esferas municipal, estadual e federal.

Assim, os cidadãos podem se inscrever em programas habitacionais e concorrer em concursos públicos que oferecem isenção na taxa de inscrição. Fonte de auxílio para muitos, o CadÚnico ainda possibilita a contribuição ao INSS com alíquota reduzida.

  • Acesso a programas sociais como Bolsa Família e BPC.
  • Isenções e descontos em serviços públicos.
  • Inscrição em programas habitacionais.
  • Concursos públicos com isenção na taxa de inscrição.
  • Contribuição ao INSS com alíquota reduzida.

Como se cadastrar no Cadastro Único?

O responsável familiar, que corresponde à pessoa encarregada de fornecer informações sobre todos os componentes da família, deve se dirigir a uma unidade do Centro de Referência de Assistência Social (Cras), do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) ou a um posto de atendimento do Cadastro Único em seu município para realizar a inscrição.

É necessário apresentar documentos como o RG ou CPF, título de eleitor e comprovante de endereço. Além disso, deve-se levar também os documentos de todos os membros da família.

Leia mais: Resultado da Mega-Sena 2701 HOJE: Prêmio de R$ 67 Milhões – Saiba Como Apostar! VEJA AQUI!

Quais as atualizações do Cadastro Único?

É imprescindível que o CadÚnico esteja sempre atualizado, seja a cada dois anos ou sempre que ocorrerem mudanças como endereço, composição familiar ou renda. A atualização pode ser realizada presencialmente nas já mencionadas unidades do Cras, Creas ou postos de atendimento do CadÚnico, ou através do aplicativo do Cadastro Único, na opção “Consulta ao formulário“.

Com esse grande “presentão”, aumentam as chances de milhares de brasileiros terem acesso a programas sociais e assistenciais importantes. Assim, mais pessoas terão condições de enfrentar as dificuldades causadas por situações de vulnerabilidade socioeconômica. Nesses tempos de crise, toda ajuda é mais que bem-vinda!

  • A cada dois anos ou em caso de mudanças de endereço, composição familiar ou renda.
  • Presencialmente nas unidades do Cras, Creas ou postos de atendimento do CadÚnico.
  • Através do aplicativo do CadÚnico, na opção “Consulta ao formulário”.