Jornal dia
Seu jornal de notícias

INSS adota Inteligência Artificial na detecção de fraudes!

0

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) vem a público nesta segunda-feira para noticiar o início do uso de uma Inteligência Artificial (IA) no processo de identificação de possíveis fraudes em atestados médicos. A nova tecnologia visa auxiliar na solicitação de benefícios como o auxílio-doença, que agora se denomina ‘benefício por incapacidade temporária’.

O que efetivamente muda com essa tecnologia?

Até então, o segurado poderia enviar o atestado médico pelo sistema online Atestmed, e obter o benefício sem a necessidade de se submeter a uma perícia médica presencial. Este processo poderia demorar entre 45 a 90 dias para ser concluído.

Agora, com a nova ferramenta, um robô analisará a documentação, cruzando dados para identificar possíveis irregularidades, o que inclui análise comportamental.

Diferentemente dos procedimentos anteriores, onde o monitoramento dos atestados era feito por amostragem, com o uso da IA, o robô da Dataprev, empresa de tecnologia do governo federal, será capaz de “ler” em cada documento possível indícios de fraude.

Leia Mais: Lei Orçamentária 2024 do Auxílio Gás irá diminuir valor do benefício! VEJA!

Como a Inteligência Artificial avaliará o atestado?

A IA será capaz de verificar nos atestados diversos itens que podem indicar fraudes. Entre eles estão a identificação dos profissionais da saúde envolvidos, como nome e assinatura, os registros no CRM (Conselho Regional de Medicina) ou de outro conselho de medicina, a grafia utilizada pelos profissionais, bem como disparos em massa de um mesmo IP (Internet Protocol), que é o endereço exclusivo de onde é enviado um arquivo.

Leia Mais: Pagamentos do Bolsa Família e Auxílio-Gás liberados no App Caixa Tem! VEJA DATAS!

Quais as penalidades para quem cometer fraude?

Aqueles que forem pegos cometendo fraudes no atestado médico responderão criminalmente, segundo Alessandro Stefanutto, presidente do INSS.

“E podem estar certos: a pessoa que apresentar atestado médico falso vai responder criminalmente”, alertou Stefanutto.

Já foram identificados casos de fraudes, sendo esses encaminhados à Polícia Federal para que sejam tomadas as medidas cabíveis. Os usuários da IA devem ser cientes das consequências antes de tentarem fraudar o sistema.

Estas novas medidas são parte do compromisso do INSS na luta contra fraudes e irregularidades, reforçando sempre a integridade e a justiça no processo de concessão de benefícios. A chegada da Inteligência Artificial neste processo representa um passo importante na utilização da tecnologia como uma aliada na gestão pública.