Jornal dia
Seu jornal de notícias

Seguro-Desemprego 2024: MEIs também têm direito! CONFIRA as novas regras!

0

A formalização como Microempreendedor Individual (MEI) oferece várias vantagens, desde a simplificação tributária até benefícios previdenciários. Recentemente, surgiu uma nova dúvida entre os MEIs: a possibilidade de acessar o seguro-desemprego. Até então, esse benefício era conhecido por ser destinado a empregados formais desligados sem justa causa.

Em resposta a essas incertezas, o Governo Federal esclareceu que os MEIs também estão elegíveis para o benefício do seguro-desemprego, observando alguns critérios específicos. Essa mudança pode trazer um alívio significativo para aqueles que vivenciam uma inesperada perda de trabalho.

O que é necessário para um MEI solicitar o seguro-desemprego?

O acesso ao seguro-desemprego pelo MEI não é automático e depende do cumprimento de certas condições. Por exemplo, é fundamental que o MEI não tenha uma renda mensal que exceda o valor de um salário mínimo atual. Além disso, tem-se outras exigências baseadas na contribuição enquanto empregado formal.

Condições de elegibilidade:

  • O interessado deve ter sido demitido sem justa causa enquanto estava em uma posição de empregado formal.
  • É necessária a comprovação de estar desempregado no momento da requisição.
  • Para a primeira solicitação, o trabalhador deve ter um histórico de emprego de pelo menos 12 meses nos últimos 18 meses.
  • Para pedidos subsequentes, a exigência varia de 6 a 9 meses de trabalho, dependendo da frequência das solicitações anteriores.
Fonte: Arraes & Centeno Advocacia
Fonte: Arraes & Centeno Advocacia

Como funciona o cálculo e distribuição do seguro-desemprego para MEI?

A metodologia de cálculo do seguro-desemprego para MEIs é similar à aplicada aos demais trabalhadores formais. A base utilizada é a média dos últimos três salários recebidos antes da rescisão do contrato de trabalho. O número de parcelas do benefício também segue uma escala variável de três a cinco, ajustada de acordo com a quantidade de vezes que o benefício foi requerido anteriormente.

Quais as Perguntas frequentes sobre o seguro-desemprego para MEI?

  • Pode um MEI solicitar o seguro-desemprego se sua empresa ainda estiver ativa? Sim, mas estará sujeito à verificação de renda mensal que não pode ultrapassar um salário mínimo.
  • Qual o prazo para solicitar o seguro-desemprego após a demissão? Recomenda-se que a solicitação seja feita o quanto antes, preferencialmente dentro de 120 dias após a demissão para evitar atrasos ou perda do benefício.
  • Como proceder se o MEI não possui todos os meses de contribuição exigidos? Infelizmente, sem cumprir as exigências mínimas de contribuição, o MEI não poderá acessar o seguro-desemprego.

A inclusão dos MEIs no benefício do seguro-desemprego em 2024 representa um passo importante na garantia de direitos aos empreendedores individuais, promovendo uma rede de segurança financeira e incentivando a manutenção e crescimento do empreendedorismo no Brasil.