Jornal dia
Seu jornal de notícias

Antecipação FGTS vira ATRATIVO para golpe afetando os trabalhadores; Veja Agora!

0

Os recentes esforços por parte do ministro do Trabalho, Luiz Marinho, em busca de dar fim a Antecipação FGTS o famoso (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) têm causado uma série de reações. Como consequência, as tentativas de golpes associadas ao benefício da Antecipação FGTS tiveram um aumento expressivo. Esse aumento está relacionado diretamente com o medo e a insegurança provocados pela possibilidade de os cidadãos não conseguirem antecipar a parcela do fundo de garantia. Isso tem gerado um crescimento considerável nas ofertas de supostos bancos que afirmam estar liberando o benefício.

Em meio a isso, houve a disponibilização da Antecipação FGTS das parcelas que seriam recebidas na modalidade de saque-aniversário. A proposta pode parecer atrativa em um primeiro momento, já que essa antecipação funciona de forma semelhante a um empréstimo. Ao aceitar o adiantamento, o beneficiário recebe de uma única vez a quantia que seria paga durante três, cinco ou mesmo dez anos. No entanto, deve-se lembrar de que a instituição financeira aplica uma taxa de juros, o que pode reduzir o valor final a ser liberado.

Fundo de garantia: um direito ameaçado a Antecipação FGTS?

Uma das críticas apresentadas pelo ministro do Trabalho chama atenção para uma possível perda da real finalidade do fundo de garantia e da Antecipação FGTS, que é prover uma ajuda financeira para trabalhadores que são demitidos sem justa causa, se aposentam, ficam doentes, dentre outras situações. A crítica de Marinho se baseia na ideia de que ao liberar anualmente parte desse fundo, especialmente quando o cidadão antecipa essas parcelas, há o risco da conta zerar, colocando o trabalhador em situação financeira delicada.

Leia mais Mudança no saque-aniversário FGTS; libera R$18 Bi para trabalhadores!

Os bancos e os possíveis golpes: devo me preocupar?

Não, porém, é necessário estar atento. Como já foi mencionado, a Antecipação FGTS do saque-aniversário por meio de empréstimo é uma operação legal. O que tem sido questionado é a abordagem das instituições financeiras e o possível assédio aos consumidores, especialmente levando em conta que essa modalidade de empréstimo pode acabar em breve. Portanto, é muito importante que o trabalhador esteja bem informado e ciente de seus direitos antes de autorizar qualquer tipo de operação financeira.

Leia mais Calendário do PIS Ano-Base 2022 foi divulgado? Veja como proteger seus direitos!