Jornal dia
Seu jornal de notícias

Avanço do 5G no Brasil exige troca de antenas parabólicas: saiba como agir!

0

Com o avanço da tecnologia 5G no Brasil, a população tem enfrentado uma nova realidade que implica a necessidade de substituição de suas antigas antenas parabólicas. O motivo? O fato do novo sinal de internet, característico da 5G, interferir na transmissão do sinal de TV. Isso ocorre porque esses dois sinais operam na mesma faixa de frequência, conhecida como banda C.

Com qual objetivo é feito a troca?

Avanço do 5G no Brasil exige troca de antenas parabólicas: saiba como agir!
Avanço do 5G no Brasil exige troca de antenas parabólicas: saiba como agir!

Visando evitar prejuízos na qualidade da transmissão televisiva de seus lares, a recomendação é que as famílias que ainda utilizam as antenas parabólicas tradicionais providenciem a substituição do equipamento por uma versão digital. Esse processo minimiza a ocorrência de chiados, ruídos e quedas no sinal durante o lazer de assistir a programas de TV.

Leia mais: Revisão do FGTS pode DOBRAR seus LUCROS; Não perca ESSA Chance!

Quais as vantagens da parabólica digital em relação à parabólica antiga?

Um dos grandes benefícios da nova parabólica digital é o seu tamanho reduzido e a configuração de uma única placa em formato de círculo. Além disso, outra notícia animadora é que famílias de baixa renda têm a oportunidade de obter a instalação gratuita da antena digital por meio de um agendamento.

Essa substituição se torna ainda mais relevante para aqueles que residem em municípios onde o sinal 5G já está ativo. No caso de equipamentos em “espinha de peixe” e antenas internas, a permanência desses aparelhos não representa prejuízo.

Leia mais: PIS/Pasep será pago a quem recebe dois Salários Mínimos? Confira!

Como solicitar o novo equipamento?

Aqueles que estão em dia com o CadÚnico e desejam efetuar o pedido da instalação do kit da antena digital pode realizar o agendamento através do site do projeto Siga Antenado ou pelo telefone 0800 729 2404. Esta iniciativa é uma ação da organização sem fins lucrativos Siga Antenado, contando com o apoio da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) e do Ministério das Comunicações.

Por outro lado, aqueles que não fazem jus ao equipamento gratuito, têm a alternativa de adquiri-lo em lojas de material de construção ou de produtos de tecnologia. O valor da nova parabólica digital pode variar de R$ 90 a R$ 310, dependendo do modelo e do local de compra.

Esse é um novo passo para a modernização da forma com que o Brasil recebe sinais de transmissões, mostrando que a tecnologia é um campo sempre em evolução. Agora é esperar para ver quais novidades o futuro da telecomunicação nos trará.